thsgreh

Acredita: Um dia vai dar certo.

Um dia vai dar certo, vai sim. Mas antes de dar certo, vai dar errado muitas vezes. Tu vais mergulhar em alguém que pensaste ter muito para te oferecer, e vais enganar-te. Tu vais quebrar a cara com quem nunca imaginaste que quebrarias, vais chorar por alguém que, na verdade, nunca valeu a pena, e vais perceber o quanto de tempo tu perdeste enquanto te lamentavas por coisas e por pessoas que não valiam a pena tu teres mantido na tua vida.

Vai dar certo, sim! Mas para dar certo, muita coisa vai dar errado e tu precisas saber isso. Nem tudo será um mar de rosas e decepcionar-se algumas vezes será inevitável. Tu vais ver que, por mais que tu tentes, é difícil acreditar de novo quando tu já acreditaste em quem não fez por merecer. Tu vais fazer muito por alguém que nunca mereceu tanto, vais apaixonar-te por alguém que vai sumir da tua vida, sem dizer o porquê, e talvez essa pessoa reapareça para te confundir quando tu estiveres bem na vida.

Algumas vezes tu vais sentir uma dor no peito, como se alguém pisasse no teu coração. E outras vezes, alguém vai mesmo pisar no teu coração. Tu vais sentir aquele nó na garganta, vais tentar dizer algo, mas não vais conseguir. Tu vais perdoar alguém, sem considerar se esse alguém merece ou não o teu perdão. Tu vais seguir em frente, mas antes, vais ficar no meio do caminho sem saber qual direção tomar, muitas vezes tu não vais ter ideia do que fazer. Na vida, tu vais decepcionar-te uma, duas, várias vezes, vais achar que o teu dedo é podre, mas depois tu entendes que podre mesmo são algumas pessoas, e que existem pessoas leais por aí também. Tu vais dar as mãos a alguém e quando precisares esse alguém vai dar-te as costas, isso vai ajudar-te a entender que nem todo o mundo vai estar ao teu lado, que nem todo o mundo está disposto a oferecer-te abrigo, e que, muitas vezes, o abrigo serás tu mesmo.

Tu vais conhecer alguém que vai até parecer boa pessoa, mas quando tudo parecer que está a ir bem, esse alguém vai pedir-te um tempo, vai pedir-te para pôr um fim, vai dizer-te que a culpa não é tua, mas sim sua, vai deixar-te sem rumo e tu vais precisar de te encontrar um dia. E quando te encontrares, tu vais aprender que perder faz parte da vida, e que às vezes, para ganhar coisas melhores, nós precisamos abrir mão de coisas pequenas. Tu vais gostar de alguém que vai dizer-te pelo menos uma destas frases: ”O problema não és tu, sou eu” ou ”Tu és boa pessoa, mas…” ou ”É melhor sermos só amigos”. E tu vais aprender que as pessoas vão fugir de ti, como tu também te vais acovardar e fugir dos outros em algum momento.

Alguém vai brincar com o teu coração, vai mentir para ti e vai jurar por todos os deuses que aquela mentira é uma verdade até te convencer. Tu vais acreditar em algumas mentiras, até que em algum momento a vida vai mostrar-te o quão doloroso pode ser a franqueza. Por mais expectativas que tu tenhas, tu vais aprender que algumas pessoas, simplesmente, não conseguem surpreender.

Tu vais conhecer pessoas interessantes e simpáticas, mas vais perceber que ser simpático não é o suficiente para que tu fiques com alguém. Alguém vai querer conhecer-te, mas tu vais estar em um outro momento e vice-versa. Vai haver momentos em que tu vais achar que nada nunca vai dar certo para ti. Tu vais passar por momentos em que tudo o que desejas é ficar só na presença da tua própria companhia. Mas tu vais perceber que muitas vezes serão esses momentos que te ajudarão a colocar as coisas no lugar. Tu vais conhecer tanta gente, e todo o mundo te vai parecer tão raso que tu vais duvidar do amor. Vais dizer que é melhor ficares só, e vais ter a certeza disso quando a tua solidão não doer e sim te confortar. Tu vais ver que é melhor a tua solidão do que se manter em relacionamentos maus.

Um dia vai dar certo, e quando der certo tu vais rir de tudo o que deu errado. Tu vais finalmente entender o tanto de coisas que aprendeste e o quanto amadureceste graças a todos os tropeções que tu levaste no meio do caminho. Tu vais carregar contigo muito mais de ti do que se possa imaginar, porque um dia tu vais perceber que toda essa bagagem te custou caro a adquirir.

Texto de Iandê Albuquerque

Deixa o teu comentário

Recomendado para ti...