WP8WCXCE2

Casa-te com uma mulher que…

Ela não precisa ser a princesa que a tua mãe sonhou, mas precisa ser quem toca a tua alma, quem faz bater o teu coração. Ela vai ser o teu primeiro sorriso pela manhã e o teu último olhar de doçura antes de dormir. Mais do que namorada, ela precisa ser tua amiga. Casa-te com alguém que te aceite por inteiro, mas que também ame as tuas metades, que perdoe o teu modo de ser por vezes desajeitado e aquela espreitadela bem intencionada, é claro, para a vizinha.

Afinal, ser homem nos dias de hoje não é fácil. Então, casa-te com uma mulher que simplifique a tua vida. Que saiba dizer não, quando quer dizer não. E sim, quando quer dizer sim. Que também saiba decidir o que é bom para si mesma. Que sorria contigo, ou de ti, tanto faz. Porque de caras amuadas já está este mundo cheio.

Casa-te com uma mulher que te ame e que te respeite acima de tudo. Que te receba de braços abertos quando tudo der errado e fique do teu lado. Que te ponha o ânimo para cima, pois vou contar-te um segredo, meu amigo, as mulheres têm esse dom. Então escolhe aquela que opta sempre por te ver feliz. Ela precisa de ser a tua paz, o teu amor, a tua vida. Ela precisa de ser uma mulher forte e guerreira quando é preciso e ainda assim ser a tua menina, que tu vais proteger.
Com ela tu vais dividir sonhos, somar alegrias, subtrair tristezas, realizar um pouco de tudo… Então, antes de tudo, casa-te com alguém que tu ames verdadeiramente. Com aquela pessoa em quem tu pensas todos os dias da tua vida.

Uma pessoa que saiba cuidar e que ao mesmo tempo entenda que regar demais a flor também maltrata o jardim. Que te aponte o caminho mais do que somente apontar o erro, e que seja a tua bússola quando te faltar o norte.
Casa-te com uma mulher que não desista de ti à primeira adversidade. Que não desista de vocês.

Casa-te com uma mulher que veja um jogo de futebol contigo e mesmo sendo de outro clube torça pelo teu, caso não seja um jogo do teu clube contra o dela. Que por vezes beba uma cerveja e coma amendoins contigo sem olhar a calorias. Que te acompanhe num ou outro jogo de playstation. Que saiba reconhecer a tua tentativa falhada e desastrada de cozinhar. Que aceite e tente melhorar as tuas atitudes, como deixar a toalha molhada em cima da cama.

Casa-te com uma mulher que chora de saudades. Que peça um beijo quando te achar quieto de mais. Casa-te com aquela mulher que saiba ceder a uma discussão no momento certo, que te deixa ter razão se isso for melhorar a situação, que não seja demasiado orgulhosa. Casa-te com aquela que te motiva a inventar o homem que tu queres ser. Uma mulher que seja reservada e ao mesmo tempo espontânea. Que aprenda algumas palavras em italiano só para te dizer “eu amo-te”. Que ache que se deitar na relva ao teu lado e olhar para as estrelas foi o melhor plano que fez durante a semana. E que se ria e finja acreditar enquanto tu erras o nome de todas as constelações. Que se esforce para ver um filme só porque é o teu favorito. Uma mulher que confia em ti e te deixa conduzir, mas que te avise do poste à frente. Que faça toda a gente em redor perceber o quanto vocês foram feitos um para o outro. Que use as suas roupas banais em casa e mesmo assim continue sexy.

Casa-te com uma mulher que te faz querer morder de tanta paixão. Que prove que 5 segundos para entrar no autocarro é tempo suficiente para te dar mais um beijo.
Casa-te com alguém que tu amaste desde o primeiro dia, mas que só depois tiveste coragem de ir lá contar.

Casa-te com uma mulher com quem tu possas sobretudo construir uma grande amizade. Alguém que te perceba, que te entenda e que te complete. Porque no final de contas, é o quanto vocês conseguem dizer um para o outro, muitas vezes sem se tocar, apenas ali no silêncio de um olhar, que vai garantir a solidez dos próximos capítulos deste livro.

Deixa o teu comentário

Recomendado para ti...