eth

É ela.

Fala tudo só de uma vez.
Grita o que odeias, o que já não queres mais e grita o que nunca quiseste dizer. Apenas grita! Não grites coisas bonitas, não vás à varanda gritar que amas alguém sempre que te apaixonas, sussurra no ouvido dessa pessoa que a amas e que a queres bem por perto. Guarda esse amor todo só para ti e para ela, vai valer muito mais a pena. Não batas de porta em porta como quem pergunta “és tu a tal?”, deixa fluir e apaixona-te pelas erradas mas quando encontrares a certa, guarda-a como se fosse o teu maior tesouro ou o teu maior segredo. Não partilhes com mais ninguém o que ela gosta na cama e o que gosta que lhe sussurrem ao ouvido, não contes a todos os nomes que ela gosta que lhe chamem e não lhes fales das maravilhas que ela consegue fazer em dois segundos. Guarda isso só para ti e “escreve” um livro sobre ela com as suas entrelinhas mas não mostres a ninguém. Dá-lhe flores, canta-lhe canções, oferece-lhe chocolates e comam juntos esses mesmos chocolates, vai-te saber muito melhor. Deixa-a cantar, mesmo que cante mal, deixa-a cantar no carro e deixa-a dançar, pode parecer que não mas ela vai estar incrivelmente alegre nesses momentos. Canta com ela! Desafinem juntos e riam no final! Dá-lhe a mão em todo o lado, não a faças sentir que tens vergonha dela, agarra-a em frente a todos e beija-a quando quiseres e quando os rapazes olharem para ela de cima abaixo. Beija-a como quem diz “és o meu prémio” ou como quem tem medo que seja o último beijo. Manda-lhe uma mensagem de bom dia, nem que seja somente um “bom dia meu amor”, mas manda! Ela vai acreditar que foi a primeira pessoa que pensaste mal acordaste e vai-se sentir “gulosa” por ti. Faz gestos, por mais pequenos que sejam, ela vai dar um valor enorme a isso e ainda te vai dizer por cima. Fá-la rir como nunca ninguém fez antes: conta as piadas mais estúpidas, faz caretas, cai de propósito, finge que és o super-homem e fá-la rir sem e com intenção! Fala dela a todos os teus amigos e faz-lhes inveja de não a terem como tu tens. Mostra-lhe o quanto incrível ela consegue ser e diz-lhe todos os dias que está bonita, mesmo que ela não acredite, diz! Tira-lhe fotos enquanto dorme, enquanto come e enquanto anda: um dia vais sentir tanto a falta dela que te vais ter que agarrar a algo. Decora o cheiro dela! Decora o toque dela! Decora a voz dela e decora a sua cara de sono! Fala-lhe bem mas sê sempre honesto: diz-lhe que aquela peça de roupa não lhe fica bem, que tem que ir tratar das unhas (vai com ela se for preciso) e diz-lhe quando não gostares de certas atitudes dela. Chama-lhe de desleixada, de desajeitada, de idiota, chama-lhe qualquer coisa mas vê se não a magoas, porque ela é frágil e com pouca coisa vai abaixo. Cuida dela! Leva-lhe filmes, chá, doces, livros, cartas, cobertores, leva-lhe tudo mas fica com ela nesses momentos. Atura-a quando estiver na TPM, vê como ela fica bonita irritada com tudo e com nada mas não a irrites de propósito, faz-lhe as vontades, massaja-lhe as costas e o pescoço. Convida-a para ir ao cinema, para ir ver um jogo, para ir a um bar, para ir ao parque, convida-a para qualquer lado onde a possas mostrar ou onde não a possas mostrar, mas quando não puderes, lembra-te como todos os rapazes iriam reagir se a estivessem a ver naquele momento. Lembra-te todos os dias. Aprecia-a todos os dias. Mas NUNCA a dês por garantida: luta por ela como lutaste para a conquistar no início, ama-a mais, deseja-a mais e procura-a todos os dias, porque ela é uma caixinha de surpresas e ela vai-te surpreender todos os dias.

Texto de Daniela Oliveira

Deixa o teu comentário

Recomendado para ti...