tjhstjr

Toda a gente que se preza já se apaixonou por alguém que não valia nada

Toda a gente que se preza já se apaixonou por alguém que não valia nada. A história é quase sempre a mesma, o final também. Nós conhecemos alguém, essa pessoa mostra-se muito doce, maravilhosa e bem-resolvida. A gente – encantada com tudo aquilo – guarda a intuição no fundo da gaveta, veste a melhor roupa (e o melhor sorriso) e sai leve, livre e deslumbrante para mais um capítulo cheio de fases mal contadas, telefone desligado e eventuais sumiços.

Verdade seja dita: Nós sentimos que existe alguma coisa errada, mas acabamos por fazer vista grossa. E achamos que estamos sensíveis demais, exigentes demais, desconfiados demais. E deixamos rolar. O resultado? Aquela pessoa enrola-te, e depois pede desculpas. Depois vacila de novo e enche-te de presentes. Gente, eu estou a escrever este texto para eu mesma decorar. Imprimir. E nunca mais esquecer. A gente não pode sair por aí perdendo o nosso tempo com essa gente idiota. Chega de desculpar tanto, de tapar o sol com a peneira. Quando uma pessoa está REALMENTE a fim de ti, ela vai até ao inferno por ti.

Esta convicção ninguém me tira. Não existe trabalho, família, futebol, amigos, crise existencial, nem telefone sem bateria que façam com que alguém – caso tenha educação e a mínima consideração – não tenha tempo de dizer um simples “olá”. Isso não é pedir muito, concordas? A pessoa não precisa de te dar satisfações a toda a hora, de te ligar várias vezes por dia, isso chega a ser chato. O que eu quero dizer é que toda a gente precisa de carinho e alguma atenção. Se alguém passa a vida a brincar contigo de esconde-esconde, não responde de forma atenciosa às tuas mensagens, não te chama para sair com os amigos e nem tenta agarrar-te quando tu dizes que estás com uma roupa íntima de matar por debaixo da roupa – então a situação está feia. Muito feia.

Somos seres românticos. Temos sempre esperança. Nós achamos sempre que alguma coisa vai mudar, que aquela pessoa vai perceber TUDO o que está a perder e que vai aparecer com flores na porta da nossa casa. Mas a realidade é diferente. Quando uma pessoa quer uma coisa, não há nada – nem ninguém – que a impeça. Portanto, anotem aí: Quando uma pessoa está a fim de ti, ela vai ligar-te, ela vai procurar-te, ela vai beijar-te, ela vai querer estar sempre ao teu lado. Não sou radical, apenas cansei de dar desculpas para erros que não são meus. Ou são. Afinal uma pessoa idiota dá sempre algumas pistas de que é idiota. Só não enxerga, quem não quer.

Texto de Bruna Vieira

Deixa o teu comentário

Recomendado para ti...