Ele mostrou que é possível ser divorciado, ser um bom pai e ainda ser cordial com a ex-mulher. Tudo ao mesmo tempo. - Já Foste

Ele mostrou que é possível ser divorciado, ser um bom pai e ainda ser cordial com a ex-mulher. Tudo ao mesmo tempo.

A maioria dos casais que pedem o divórcio deixam de querer conviver. Na verdade, são poucos os que conseguem estar juntos na mesma sala por mais do que alguns minutos. Quando este pai resolveu oferecer rosas para a ex-esposa, um grande amigo seu ficou furioso. Então, o homem resolveu dar-lhe uma explicação incrível!

Billy Flynn é um pai divorciado com dois filhos. Recentemente, ele comemorou o aniversário da sua ex-mulher ao lado dela e das crianças. O homem tornou-se uma sensação na internet, pois milhares de pessoas começaram a comentar a sua decisão. Alguns o aplaudiram por escolher o respeito em vez da retaliação, enquanto outros o julgaram.

Flynn é o primeiro a admitir que a criação de uma relação baseada no respeito com a sua ex-esposa tem sido incrivelmente difícil. Muitos divorciados criticam os antigos companheiros na frente dos seus filhos. Mas este homem sabe que as crianças prestam atenção à maneira como ele trata a mãe deles. E é por isso que escolhe tratá-la bem, apesar de tudo.

Farto de ouvir as pessoas dizerem que ele era fraco, e que as suas ações eram uma perda de tempo, o pai postou a sua história no Facebook. Ele compartilhou a razão pela qual escolheu acordar cedo para comprar presentes de aniversário para a ex-esposa, e ainda ajudar os seus filhos a preparar o café da manhã para ela. Leiam este maravilhoso texto!

”Hoje é o aniversário da minha ex-mulher, então eu acordei mais cedo e levei flores, cartões e um presente para as crianças entregarem a ela, e ainda os ajudei a fazer o café da manhã para ela. Como sempre, alguém me perguntou por que diabos eu ainda faço essas coisas para ela o tempo todo. Isso irrita-me. Então, eu vou contar para vocês o motivo.

Eu estou empenhado em criar dois grandes homens. O exemplo que eu dou aos meus filhos sobre como tratar a mãe vai moldar a maneira como eles veem e tratam as mulheres, e também a sua percepção sobre os relacionamentos. Eu penso ainda mais no meu caso porque estamos divorciados. Então, se tu queres ‘moldar’ um bom comportamento nos relacionamentos dos teus filhos, escolhe o caminho certo e faz isso direito.”

Flynn continua o seu post, pedindo aos leitores para se focarem no que é melhor para as crianças. “Esforcem-se para criar homens bons. Esforcem-se para criar mulheres fortes. Por favor. O mundo precisa deles, agora mais do que nunca”.

“O divórcio é difícil e acho que todos nós fazemos e dizemos algumas coisas que não são realmente o melhor de nós. Mas nós devemos colocar sempre as crianças em primeiro lugar. E, honestamente, eu acho que esse foco nos ajudou a reparar a forma como nos relacionávamos e o respeito mútuo ao longo do tempo, e os nossos filhos ganham como resultado disso”.

“As crianças querem cuidar dos seus pais por natureza, mas elas não podem fazê-lo sozinhas. É o nosso trabalho facilitar isso”, afirmou Flynn. “Por essa razão, mesmo que o teu ex seja uma pessoa terrível aos teus olhos, tu precisas pôr isso de lado e perceber que os teus filhos amam essa pessoa. Verem maltratar alguém que amam é traumático, quer tu queiras quer não”.

Este maravilhoso pai acrescenta que colocar as necessidades dos seus filhos em primeiro lugar pode levar a um relacionamento amigável pós-divórcio. “Eu acho que tu ficarás surpreso ao descobrir que a preocupação mútua pelas crianças vai realmente melhorar a tua relação pós-divórcio, porque irá tirar o foco das dores individuais, da raiva e do ressentimento”.

E tu, concordas com a atitude de Flynn perante a sua ex-mulher?

Deixa o teu comentário

Recomendado para ti...